Pele do bebê

Ao lhe dar banho, certifique-se de que a água não esteja muito quente e utilize sabonetes neutros sem perfume. É muito importante secar bem a pele dele com uma toalha suave de algodão. Lave o cabelo com um shampoo hipoalergênico, preferencialmente, no começo do banhe. Evite que o seu bebê esteja na água por um período maior que 20 minutos.

Durante seu primeiro ano de vida, a pele do bebê é propensa a se irritar com facilidade: pode descamar, descascar em alguns lugares ou formar pequenas erupções. No geral, estas reações são inofensivas, têm a ver com o acoplamento do metabolismo e desaparecem quando o equilíbrio do organismo é regulado.

Se o seu bebê tem tendência a uma pele seca, consulte o seu pediatra sobre a possibilidade de lhe aplicar um hidratante. A pele seca provoca coceira que se o bebê esfregar pode causa infecções. Nestes casos, além de um bom hidratante se recomenda dar banho com um sabonete de aveia.

A área da fralda merece cuidados especiais, já que o excesso de umidade, o contato com a urina e fezes pode irritar a pele do seu bebe e causar uma dermatite de fralda. A troca frequente da fralda, o uso de azeites como o óleo-calcário na limpeza ou uma pomada de óxido de zinco na área irritada são as recomendações mais usuais dos dermatologistas infantis.

A pele do seu bebê pode reagir frente a mudanças bruscas de temperatura. Nos dias de calor podem aparecer manchas vermelhas que são inócuos e não necessitam tratamentos especiais. Nos dias de frio, no entanto, recomenda-se proteger o rosto do pequeno com creme facial, como por exemplo, a vaselina. Não se esqueça da importância do protetor solar na hora de expor o seu bebê aos raios do sol. 

https://www.huggies.com.br/